Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

letras de liberdade

Blog com letras minhas e letras das leituras que vou fazendo.

letras de liberdade

Blog com letras minhas e letras das leituras que vou fazendo.

A maioria dos meus pares já partiu, o Verão terminou e eu fui das ultimas que ainda ficou por cá. Parto brevemente. Não queria ir embora sem antes me despedir de ti. O tempo passou a voar; ainda ontem a Primavera me trouxe, e hoje, já tenho o Outono à porta para me levar. Nós, as andorinhas, levamos a saudade de um beiral para uma telha; de uma telha para um poste, de um poste para um lampião. Levamos a saudade que o Outono tem da Primavera, para a trazer, em Fevereiro, renascida como esperança de um novo encontro.

1 comentário

Comentar post