Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

letras de liberdade

Blog com letras minhas e letras das leituras que vou fazendo.

letras de liberdade

Blog com letras minhas e letras das leituras que vou fazendo.

Os telejornais daquela noite abriram todos com a notícia: A lua vai ser privatizada!

 

Em estúdio os grandes especialistas analisavam o impacto desta medida, O espaço tem sido um mau gestor, dizia um. O Pai mudou de canal e ouvíamos outro comentador dizer, Claramente tem sido um grande desperdício, uma tremenda ineficiência paga por todos nós, cumpridores dos nossos deveres. Já pensaram no que tem sido gasto, com a lua a brilhar ali em cima todas as noites, todos estes anos e muitas vezes sem ninguém cá em baixo a necessitar de iluminação? O Pai voltou a mudar de canal e uma terceira autoridade do bem pensar reflectia, Bem vocês já viram como ela brilha, assim, toda inteira? Não podia brilhar só uma parte que iluminava o mesmo? Ela até tem forma de queijo e assim grande, claramente, que aquilo é só gordura, há que cortar, há que cortar e tornar mais ágil e eficiente a sua gestão!

 

Meu Pai, aborrecido, já desligava a televisão quando eu perguntei, Pai, que coisa é essa de privar-não-sei-o-quê? Isso quer dizer que eles vão apagar a lua para nós? O meu velho, serio como nunca o vi na vida, respondeu, Filho, eles podem apagar a luz da lua dos teus olhos, mas não te podem fazer esquecer. Enquanto viveres, enquanto te lembrares como ela brilhava, usa a tua boca para contares ao mundo inteiro como ela era bonita, companheira dos amantes, guarda dos noctívagos e consolo para os pesadelos.

 

Encontrado em orionfalls.com